Actividades SPM, Concurso Comunicação de ciência em microbiologia, Dia Internacional do Microrganismo

Divulgação de ciência: Zoonoses

As zoonoses são doenças que se transmitem entre animais e humanos por contacto direto, aerossóis, vetores ou alimentos contaminados, e cujos agentes infeciosos podem ser vírus, bactérias, fungos ou parasitas.

(clicar na imagem para aumentar)

As zoonoses são doenças que se transmitem entre animais e humanos. Os agentes infeciosos associados a zoonoses podem ser vírus, bactérias, fungos ou parasitas. Os animais transmissores/portadores de agentes zoonóticos podem ser também afetados, apresentado sinais clínicos da doença, ou podem ser portadores assintomáticos. A transmissão destes agentes ao homem pode ocorrer por contacto direto (e, em casos mais excecionais, através de aerossóis); através de veículos intermediários (como insetos e pulgas); ou através do consumo de água ou alimentos contaminados. Posteriormente, a transmissão entre humanos decorre maioritariamente por contacto direto (com algumas exceções) em contexto familiar ou profissional. A maioria dos agentes zoonóticos estão perfeitamente controlados devido à atividade das autoridades públicas de controlo (como, no caso português, a DGAV e a DGS, na componente de vigilância e erradicação, e o INIAV e o INSA na componente de determinação analítica) e a outras medidas de controlo sanitário como a desparasitação e vacinação de animais de companhia (como é exemplo a vacinação contra a raiva que erradicou a doença em Portugal). Um exemplo atual e paradigmático de uma zoonose com transmissão rápida por contacto direto ou aerossóis é a Covid-19, com origem na fauna selvagem, e cujo plano de vacinação se tem mostrado eficiente na redução da severidade e transmissibilidade da doença.

Menção honrosa (categoria geral) da 3º Edição do Concurso “Comunicação de ciência em microbiologia.

Autores: Carina Almeida, Cristiana Mendes e Gonçalo Almeida, Instituto Nacional de Investigação Agrária e Veterinária