Sociedade Portuguesa de Microbiologia

Portuguese Society of Microbiology

Emerging Pathways for Young Scientists

No passado dia 5 de Dezembro de 2013 decorreu o primeiro evento Emerging Pathways for Young Scientists financiado pela American Society for Microbiology (ASM), com o apoio do Microbiotec’13.

Após ter sido escolhido, ainda este ano, para Embaixador Jovem da ASM em Portugal, resolvi organizar este evento, permitindo que a participação no mesmo fosse gratuita para sócios da ASM que participassem no Microbiotec’13.

diogo

As carreiras não tradicionais, nas quais é essencial a comunicação com não-cientistas (aspecto nem sempre valorizado durante o doutoramento), foi o foco deste encontro.

Duas questões serviram de base ao evento: i) O mundo está em mudança, tens o que é preciso para te adaptares? ii) Será que tens as capacidades necessárias para um emprego ou sabes mesmo quais são tuas opções?

O evento contou com a presença de palestrantes de diversas áreas e com participantes de 11 institutos de investigação de Aveiro, Coimbra, Lisboa e Porto. Apesar de ter sido destinado a jovens cientistas – alunos de mestrado e doutoramento – este contou igualmente com a presença de alguns pós-doc.

O programa consistiu em palestras promovidas pelos seguintes oradores: Doutora Maria João Leão, directora executiva da Maratona da Saúde (Comunicação de Ciência); Mestre António Castelo, co-fundador da Aidnature.org (Organizações Não-Governamentais); Professor Doutor João Nuno Moreira, co-fundador da TREAT U (Desafios Empresariais) e Professora Doutora Leonor Parreira, Secretária de Estado da Ciência (Política Científica).

A Doutora Maria João Leão contou-nos um pouco sobre o seu percurso de carreira e como é essencial ter uma boa capacidade de comunicação também na sua actual função de angariação de fundos para a investigação científica. O Mestre António Castelo falou-nos de como um projecto, neste caso, uma Organização Não-Governamental, poderá ser uma oportunidade de carreira, passando do sonho à realização. O Professor Doutor João Nuno partilhou como podemos, a partir de resultados negativos, projectar o futuro e como isso tornou possível a criação da spin-off TREAT U. A Professora Doutora Leonor Parreira falou sobre as políticas científicas em Portugal, em inter-relação com os estados membros europeus, bem como uma visão geral das instituições portuguesas de I&D, financiamento e publicações em Portugal e futuras acções do Ministério da Educação e Ciência.

Todos os oradores focaram temas que não são dialogados todos os dias e definitivamente abriram as nossas mentes para outras carreiras fora da Academia. No final, e de forma mais informal, houve uma mesa redonda com discussão aberta a todos os participantes, o que enriqueceu ainda mais este dia.

Este foi apenas o início de vários eventos que ocorrerão num futuro próximo, onde se espera uma maior adesão da comunidade científica, para que contribuam para a melhoria de um país e de uma ciência pró-activa.

Link do evento: http://pathwaysforyoungscientists.wordpress.com/

Diogo Neves Proença

Estudante de Doutoramento no IMAR-CMA – Universidade de Coimbra; Embaixador Jovem da ASM em Portugal

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Information

This entry was posted on 29/12/2013 by in Magazine SPM and tagged .

Navegação

Clique aqui para acesso directo a todos os conteúdos de:

Adicione aqui o seu email para receber as notícias da SPM.

Com o apoio de:

%d bloggers like this: