Base de dados INTEGRALL comemora 4 anos de existência

Nas últimas décadas, a par do aumento significativo de resistências bacterianas a antibióticos tem-se assistido também ao aumento exponencial de estudos científicos nesta matéria, devido à sua importância quer a nível científico quer a nível de saúde pública.

Um dos principais mecanismos bacterianos envolvidos na aquisição e expressão de resistências a antibióticos são os integrões. Descobertos no final dos anos 80, desde cedo se constatou a sua importância na captura e disseminação de resistências entre estirpes patogénicas em ambiente hospitalar.

Apenas uma década mais tarde, as pesquisas sobre a diversidade destas estruturas se estenderam também aos ambientes naturais, revelando uma organização genética bastante diversificada, com diferentes combinações de cassetes de genes, desempenhando um papel fundamental na plasticidade genética e adaptação bacteriana.

A celebrar o 20º aniversário da descoberta destas estruturas, o grupo de investigação em Microbiologia da Universidade de Aveiro em parceria com a empresa SINDESI, Lda. criou em 2008 a base de dados INTEGRALL, numa estreita colaboração entre microbiólogos, informáticos e bioinformáticos.

Desde o seu início, a plataforma INTEGRALL visa não só congregar informação nestas estruturas, como também contribuir para a anotação de dados moleculares, uniformização de nomenclatura, correcção e eliminação de dados erróneos ​​das bases de genes públicas.

Este ano, a plataforma INTEGRALL comemora este ano 4 anos de existência, congregando mais de 6000 integrões, descritos em 218 espécies diferentes. Disponível em http://integrall.bio.ua.pt/, conta já com dezenas de citações em artigos científicos internacionais e cerca de 14 000 visitas oriundas de mais de 100 países, dando um importante contributo para compreender a ecologia e o papel dos integrons na evolução bacteriana.

Contacto: Alexandra Moura (amoura@ua.pt)

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.