Sociedade Portuguesa de Microbiologia

Portuguese Society of Microbiology

Sessão EMbaRC do MicroBiotec’11

A Micoteca da Universidade do Minho (MUM) celebrou 15 anos e homenageou durante a sessão EMbaRC do MicroBiotec’11 dois Professores da Academia Portuguesa.

Há 15 anos, com o objetivo de atender à procura institucional e nacional de preservar e fornecer estirpes de fungos filamentosos bem caracterizados, numa área científica carente em Portugal, foi estabelecida na Universidade do Minho, a Micoteca da Universidade do Minho (MUM, www.micoteca.deb.uminho.pt). A MUM nasce como proposta do Prof. Nelson Lima, seu atual Diretor, na gestão do Prof. Sérgio Machado dos Santos, então Reitor da Universidade do Minho.

Ao longo dos últimos 15 anos a MUM tem estado sediada no Centro de Engenharia Biológica, no Campus de Gualtar em Braga. Neste período foram desenvolvidos na MUM mais de 30 teses de mestrado e de doutoramento, mais de 300 artigos, capítulos e atas internacionais e uma dezena de livros foram publicados. Oito novas espécies de fungos filamentosos foram descritas para a ciência. Uma forte componente de formação e treino levaram à realização de vários workshops e cursos avançados nacionais e internacionais. Um elevado número de investigadores visitantes de diferentes países têm passado pela MUM, uma média de 2 investigadores estrangeiros por mês. Finalmente, vários projetos de investigação financiados e desenvolvidos, em colaboração com instituições de ensino e investigação de diversos países, têm sido levados a cabo.

A nível nacional a MUM é a única coleção de microrganismos a fornecer dados relacionados com a biodiversidade portuguesa e também é, até ao momento, a gestora do nó português da GBIF (Global Biodiversity Information Facility). A nível internacional a MUM participa ativamente em organizações como a Organização Europeia de Coleções de Culturas (ECCO), a Federação Mundial para Colecções de Culturas (WFCC) e esteve na iniciativa da OCDE (Organização de Cooperação e Desenvolvimento Económico) para os Centros de Recursos Biológicos (CRBs). Neste último caso, a MUM foi um dos parceiros-chave para a implementação de critérios de gestão de qualidade para os futuros CRBs e sua rede global. Com o objetivo de seguir os critérios internacionais da qualidade para melhor atender os seus clientes, em maio de 2011, a MUM implementou um sistema de gestão da qualidade com base na norma portuguesa NP EN ISO 9001:2008.

Nestes 15 anos, a MUM cumpriu ainda mandatos nas direções executivas da ECCO e WFCC. Esta experiência internacional permitiu à MUM estar atualmente envolvida como parceiro, entre 20 países de todos os continentes, no projeto demonstrativo da Rede Global de Centros de Recursos Biológicos (GBRCN – Global Biological Resource Centre Network, www.gbrcn.com), no projeto europeu Consórcio de Centros de Recursos Microbiológicos (EMbaRC – European Consortium of Microbial Resources Centres,www.embarc.eu) e, ainda no recente projeto do ESFRI-BMS Infraestrutura de Investigação de Recursos Microbianos (MIRRI – Microbial Resource Research Infrastructure, www.mirri.org).

Dentro do projeto EMbaRC, e graças à divulgação e dinamismo da SPM, Portugal ocupa, destacadamente, a utilização das bolsas para desenvolvimento de projetos dentro da infraestrutura disponibilizada por este consórcio (Figura 1). Estas bolsas transnacionais enquadram-se no programa europeu de acesso de leaders de projeto, ou investigadores sénior, aos laboratórios do consórcio com vista a implementar, ou reforçar, projetos de investigação que possam tirar benefício da capacidade e competências científicas instaladas. Assim, a comunidade portuguesa de microbiólogos foi campeã na utilização destas bolsas e teve a oportunidade para desenvolver diferentes projetos na área das coleções de culturas (gestão e técnicas de preservação) e na taxonomia microbiana.

Figura 1 – País de origem dos utilizadores da infraestrutura laboratorial do consórcio EMBaRC.

Figura 1 – País de origem dos utilizadores da infraestrutura laboratorial do consórcio EMBaRC.

Ainda dentro projeto EMbaRC, foi realizada uma sessão especial durante o MicroBiotec’11 com a apresentação do roadshow desenvolvido pelo consórcio e apresentado pelo nosso colega da coleção belga BCCM/LMG, Prof.º Paul De Vos, com vista à disseminação dos principais resultados alcançados dentro deste projeto. Durante esta sessão, onde estiveram mais de 60 participantes, a MUM teve o prazer de homenagear dois Professores da Universidade do Minho que fazem parte da sua história (para mais detalhes ver http://www.youtube.com/watch?v=VJj2Xy9ALB0). Neste sentido, três espécies de fungos filamentosos foram recentemente descritas para a ciência na revista Mycologia (doi:10.3852/11-088). A primeira delas foi descrita como Aspergillus sergii em homenagem ao antigo Reitor Prof. Sérgio Machado dos Santos (Figura 2), um apoiante e entusiasta da coleção de cultura de fungos filamentosos da UMinho desde o seu estabelecimento. A placa de homenagem, por convite do Diretor da MUM, foi entregue pela Presidente da SPM.

A segunda espécie teve como nome Aspergillus mottae em homenagem ao Prof. Manuel Mota (Figura 2), Diretor do Centro de Engenharia Biológica da Universidade do Minho, onde a MUM está sediada. O Prof. Manuel Mota tem sido mentor para muitas gerações de biotecnólogos portugueses e um forte apoiante do projeto MUM. A placa de homenagem, por convite do Diretor da MUM, foi entregue pelo Presidente da SPBT.

Finalmente, a terceira espécie foi descrita como Aspergillus transmontanensis, em homenagem à região portuguesa de Trás-os-Montes, onde os fungos foram coletados e também onde os Profs. Sérgio Machado dos Santos e Manuel Mota nasceram.

Figura 2 – Prof. Sérgio Machado dos Santos (esquerda) e Prof. Manuel Mota (direita) na sessão do EMbaRC durante o MicroBiotec’11.

Figura 2 – Prof. Sérgio Machado dos Santos (esquerda) e Prof. Manuel Mota (direita) na sessão do EMbaRC durante o MicroBiotec’11.

por Nelson Lima

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Information

This entry was posted on 01/08/2012 by in Magazine SPM and tagged .

Navegação

Clique aqui para acesso directo a todos os conteúdos de:

Adicione aqui o seu email para receber as notícias da SPM.

Com o apoio de:

%d bloggers like this: